Caros Colegas permitam-me um alerta.

Como sabem o regime simplificado no IRS é um dos sistemas de pagamento do Imposto e tem uma periodicidade de 3 anos. Findos os quais o Sujeito Passivo pode alterar a sua situação.

Essa alteração é feita até ao final de  Março. Assim aconselho a verem a situação de todos os vossos clientes um a um.

O perigo maior está nos que estão em contabilidade organizada e terminando o prazo se nada fizerem podem cair de novo no regime simplificado.

A renovação funciona do seguinte modo:

Quando se está no regime de contabilidade organizada por opção e não se atingiu os valores a renovação é que mantém-se a opção

Quando se está no regime de contabilidade organizada por imposição legal e não se atingiu a alteração passa para regime simplificado – AQUI É QUE ESTÁ O PROBLEMA

Vejam este exemplo: Um cliente iniciou a actividade e como queria ficar na contabilidade organizada previu 200.000€ de facturação – Ficou no regime de contabilidade organizada por imposição legal, mas nesse ano não atingiu. Se não fizer a opção até 31 de Março passa automáticamente para o regime simplificado e fica lá 3 anos sem poder sair.

O meu conselho é que analisem caso a caso.

Advertisements