Os rendimentos brutos de cada uma das categorias A, B e H auferidas por sujeitos passivos com deficiência são considerados, para efeitos de IRS, apenas em 90% em 2014.

Não obstante, a parte do rendimento excluídos de tributação não pode exceder em 2014, por categoria de rendimento 2.500 €

Advertisements