Etiquetas

,

Publico comunicação e alerta da DFK sobre o assunto.

No final ha um link para a folha de calculo.

***************

Vimos informar que os limites de isenção do subsídio de refeição, quer para efeitos de IRS, quer para efeitos de Segurança Social, a partir de 1 de Janeiro de 2012 e até publicação de portaria a alterar os limites para os servidores do Estados, são os seguintes:

  • 5,12 euros, se atribuídos em dinheiro;
  • 6,83 euros, se atribuído em vales de refeição.

Tendo em conta a oportunidade de poupança, quer para as Entidades Empregadoras, quer para os Empregados, decorrente da diferença de 1,71 euros do limite de isenção entre as duas formas de pagamento do subsídio de refeição, aproveitamos a oportunidade para distribuir, gratuitamente, uma folha de cálculo que permite simular a poupança fiscal que pode ser obtida se a opção recair sobre o pagamento através de vales de refeição.

As células a amarelo (F9 a F17) são as únicas células para introdução de dados, obtendo-se o montante da poupança fiscal total na célula F52.

Os profissionais da DFK estão, como sempre, disponíveis para prestar o apoio e o aconselhamento que se mostre necessário.

Com os melhores cumprimentos.

DFK & Associados
Sociedade de Revisores Oficiais de Contas

http://www.mediafire.com/?pp1upz6z98zme68